fbpx
Equipamentos

7 dicas para você cuidar da balança de loja

Escrito por Marcus Vinícius C. Victorino | 20/03/2024
  • 5566 visualizações
  • 1361 compartilhamentos
Tempo de leitura: 4 minutos

As balanças são responsáveis pela pesagem dos produtos que serão comercializados em importantes áreas de um varejo. Principalmente em supermercados que contam com setores de açougue, padaria, hortifrúti e frios, é fundamental que o varejista saiba como cuidar da balança de loja, para garantir a conservação e bom funcionamento do equipamento por muito tempo.

7_dicas_para_voce_cuidar_da_balanca_de_loja_740x360

Aqui no InfoVarejo já falamos sobre os cuidados que um varejista precisa ter com relação à pesagem dos produtos, agora vamos mostrar como cuidar da balança.

Alguns cuidados ajudam a prolongar o tempo de uso desses equipamentos. Preparamos 7 dicas importantes para ajudar nos cuidados com uma balança de loja, garantindo que a máquina opere de forma correta e regulada, e sem problemas com a fiscalização.

Quais as dicas para cuidar da balança de loja?

1. Deixe a balança de loja em um local que favoreça a sua operação.

Escolher um local seguro para deixar instalada a balança é fundamental para garantir um bom funcionamento da mesma. É importante avaliar a superfície que ficará sob o equipamento, nesse caso deve ser evitado locais úmidos e superfícies irregulares.

Para evitar a ocorrência de instabilidade nas pesagens, o local escolhido para a operação da balança de loja deve ficar distante de ventiladores e grandes janelas, para evitar a oscilação por causa de corrente de ar.

7 dicas para você cuidar da balança de loja

2. Destinar uma rede elétrica específica para a balança de loja.

Ligar a balança na mesma rede elétrica que outros equipamentos como moedores de carnes e fatiadores e geladeiras da loja prejudica a estabilidade do funcionamento e compromete a operação de pesagem de produtos.

3. Garantir a integridade do lacre da balança.

O lacre é a forma de garantir que a balança foi aferida e verificada sua portaria pelo INMETRO, no ato de sua fabricação. Além disso, ele garante a legalidade do equipamento. Se este lacre estiver mal posicionado, ou encostando no prato de pesagem ele poderá causar erros durante a pesagem de produtos.

A alteração do lacre também pode complicar a vida do varejista e gerar autuações durante uma fiscalização do IPEM, para averiguar as normas do INMETRO.

4. Limpeza correta e constante da balança de loja.

Alguns profissionais encarregados pelas atividades em setores da loja que utilizam balanças, acreditam que a limpeza do equipamento deve ser realizada com água.

Essa ideia é completamente errada, pois a balança deve passar por um processo de limpeza a seco, com o auxílio de panos secos ou úmidos. Importante: nunca use produtos químicos para limpar esse equipamento!

No momento de limpar a balança é importante realizar a higienização da superfície e do ambiente em volta, pois, principalmente, em açougues, os resíduos de carne, como o sangue, infectam todo local.

5. Cuidado com o manuseio.

Durante o processo de pesagem de um produto, a mercadoria deve ser colocada delicadamente sobre o prato da balança. Impactos e arremessos de itens em direção ao equipamento devem ser evitados, pois são as principais causas de defeitos na estrutura física e nos componentes eletrônicos desse tipo de aparelho.

Uma outra forma de conservar uma balança de loja é não deixar produtos sobre o prato da balança após o processo de pesagem. A permanência de itens deforma a célula de carga e compromete a precisão dos dados apresentados.

6. Realize manutenção periódica.

Hoje em dia a fiscalização do IPEM está mais rigorosa, dessa forma é preciso garantir o bom estado do equipamento e a precisão das informações apresentadas por uma balança, e a melhor forma de resguardar a sua loja é realizando manutenções periódicas.

Essas manutenções são importantes para impedir que problemas físicos e desregulagens aconteçam com a balança de loja.

As autuações do IPEM geram dores de cabeça para o negócio, portanto o varejista deve evitar defeitos no equipamento e manter a calibragem correta da célula de pesagem.

7. Tenha um fornecedor de confiança

O fornecedor que você escolher para fornecer o equipamento de medição da sua loja, precisa contar com uma estrutura técnica para atender as demandas do seu negócio. Isso quer dizer que, a empresa responsável por fornecer a balança deve ter conhecimento e experiência no mercado em que você está inserido, entendendo de todas as particularidades do setor supermercadista.

Treinamento, atendimento e suporte são pontos que devem ser analisados no momento de contratar uma empresa, pois o apoio à sua produção será fundamental para manter a produtividade e garantir sempre o bom funcionamento da balança de loja da sua empresa.

Trabalho essencial

A manutenção correta de uma balança é essencial para assegurar o bom funcionamento do aparelho, evitar autuações durante uma aferição e garantir que o investimento do varejista não seja em vão, pois esses equipamentos podem durar muito tempo se bem preservados.

Para saber exatamente sobre os tipos de balanças e onde usar cada equipamento veja esse artigo.

Para isso é preciso que o varejista conheça qual o tipo de equipamento deve ser usado em cada local da loja e aplique essas dicas para cuidar da balança de loja do seu negócio.

Baixa gratuitamente o Guia completo da Balança para Varejo e saiba tudo sobre esse equipamento.

Gostou do artigo? Deixe sua opinião.

Publicidade